Skip to content

NOTA: Serpente encontrada no Parque Ecológico

Circula em grupos de WhatsApp e nas redes sociais uma foto de uma cobra que teria aparecido no Parque Ecológico “Murilo Ferreira Carnicelli”. A Diretoria de Meio Ambiente informa que se trata de uma serpente da espécie Boa constrictor, conhecida popularmente como jibóia-constritora, que apresenta a coloração marrom, com alguns pontos quase pretos. Essa espécie de serpente não apresenta glândulas de veneno, nem dentes inoculadores.

A Diretoria de Meio Ambiente esteve pelo local para fazer a verificação e com base na Lei Federal de Crimes Ambientais de nº. 9.605/1998, não é possível a realização de uma busca ativa dentro do Parque Ecológico, pois é proibida a retirada de um animal silvestre de seu habitat natural.

O Meio Ambiente ainda reforça que só seria possível o remanejamento de local caso o animal estivesse exposto em via pública ou em vias com tráfegos de pedestres que apresente risco para a população ou sob risco, levando-o a um local mais seguro, que poderia ser o próprio Parque, cuja área é de preservação permanente.

Vale ressaltar que é propício o aparecimento de serpentes em locais de mata e forrados de vegetação. As cobras gostam de locais com mata densa, que esteja sempre verde e onde podem se esconder em meio às folhas, galhos ou em pedras.

Caso a população encontre animais silvestres, pode entrar em contato com o Corpo de Bombeiros pelo 193 ou com a Diretoria de Meio Ambiente pelo (19) 3492-2975.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content