Skip to content

Prefeito encaminha projeto de lei para Câmara com corte para comissionados

O Prefeito de Capivari, Vitão Riccomini (PSL), encaminhou nesta quinta-feira, dia 11, um projeto de lei para Câmara de Vereadores da cidade, que prevê o corte do cartão-alimentação, sexta parte, quinquênio e abonadas dos servidores comissionados de Capivari.

Segundo Vitão, a economia pode chegar a R$500 mil por ano. “Num momento de reestruturação da Prefeitura, é fundamental encontrar soluções para garantir o avanço que falamos”, escreveu em uma rede social. Ainda de acordo com o Prefeito, o principal objetivo dessa iniciativa é possibilitar economia aos cofres públicos e manter os investimentos na cidade.

Ainda em rede social, Vitão escreveu que espera que o projeto seja aprovado para que a Prefeitura possa investir esse dinheiro na cidade. Hoje, o cartão-alimentação dos comissionados é de R$353,10 – mesmo valor pago aos servidores efetivos. O quinquênio é uma porcentagem a mais no salário a cada cinco anos de trabalho prestado. Já a sexta parte é uma gratificação para os servidores que completam 25 anos de serviço na administração pública.

Agora cabe a mesa diretora e às comissões da Câmara de Vereadores analisarem o projeto e o colocarem para votação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content