Saúde anuncia aplicação de segunda dose adicional para pessoas com doenças de alto grau de imunossupressão

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

A Secretaria de Saúde anunciou na manhã desta segunda-feira, dia 14, que pessoas portadoras de doenças consideradas com alto grau de imunossupressão podem receber a segunda dose adicional da vacina contra a Covid-19. A aplicação deverá ser feita pelo menos quatro meses após a aplicação da terceira dose, sendo necessário levar laudo médico que comprove a condição no ponto de vacinação.

Confira a lista de doenças com alto grau de imunossupressão que dão direito ao segundo reforço:

  • Imunodeficiência primária grave
  • Estar fazendo quimioterapia para tratamento de câncer
  • Transplantados de órgãos sólidos, células-tronco, ou fazer o uso de drogas imunossupressoras
  • Pessoas portadoras de HIV ou AIDS
  • Pessoas que fazem o uso de corticóides em doses diárias de pelo menos 20 mg de prednisona, ou equivalente a pelo menos 14 dias
  • Uso de drogas modificadoras de resposta imune
  • Pessoas portadoras de doenças auto inflamatórias ou doenças intestinais inflamatórias
  • Pacientes que fazem hemodiálise
  • Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas

Além do laudo médico que comprove a condição do paciente, é necessário levar também o cartão SUS, RG, CPF e comprovante de endereço até o ponto de vacinação mais próximo. Vale lembrar que a vacinação acontece nos postos de saúde dos bairros, de segunda a sexta das 08h às 11h e das 13h às 15h, e no Salão Paroquial da Igreja São Benedito, das 08h às 16h.

Explore mais...